Especialidades

Gastrite

A gastrite é a inflamação da camada do tecido mais superficial que reveste o estômago, chamada de mucosa gástrica. Quando ocorre agressão a sua integridade, essa inflamação desenvolve-se como resposta normal do organismo. Ela pode ser aguda ou crônica e é provocada por causa de diferentes fatores.

Epidemiologia

  • A gastrite induzida pela bactéria H.pylori (Helicobacter pylori) é uma das infecções mais comuns na espécie humana, comprometendo cerca de metade da população mundial. A infecção pela H.pylori, em países desenvolvidos, ocorre após os 3 ou 5 anos de idade; já em países em desenvolvimento, crianças com menos de 1 ano podem estar contaminadas.

Sinais e sintomas

  • A dor da gastrite começa na região epigástrica e pode vir acompanhada de azia ou queimação se houver retorno do suco gástrico por defeito no esfíncter, estrutura muscular que controla a comunicação entre esôfago e estômago. A azia pode piorar quando a pessoa se deita após uma refeição mais volumosa ou rica em gorduras. Perda do apetite, náuseas e vômitos também são sintomas de gastrite, assim como a presença de sangue nas fezes e no vômito.

Diagnóstico

  • Histórico clínico e endoscopia são fundamentais para o diagnóstico da gastrite, o que não exclui a necessidade de se fazer uma biópsia, ou seja, retirar fragmentos da mucosa estomacal para análise mais minuciosa no microscópio.

Tratamento clínico

  • O tratamento da gastrite deve levar em conta suas causas. Como existe associação entre H. pylori e gastrite, se tratarmos apenas a segunda sem combater a primeira, a probabilidade de a doença reaparecer aumenta. No entanto, ela diminuirá bastante se os dois tratamentos ocorrerem simultaneamente. O uso de ácido acetilsalicílico, anti-inflamatórios e álcool deve ser evitado. A medicação para gastrite pode ser ministrada por via oral, e os resultados obtidos são bastante satisfatórios.

Tratamento cirúrgico

  • Quando a cirurgia é necessária para a gastrite alcoólica, os procedimentos realizados são a piloroplastia e a vagotomia.

Prognóstico

  • A recuperação ocorre devido ao uso de medicamentos e à alimentação saudável.
« voltar
mar 25, 2014 | Publicado por in Especialidades | Comentários desativados